Acidentes
Publicado às 9h01 — 7 de abril de 2015
Motorista que matou idosa é condenado a prestar serviço

Vladmir Montanari Júnior estava a cima do limite de velocidade e fugiu sem prestar socorro à vítima. Condenação revoltou familiares

Por Leonardo Ratti | Portal Mauá e Região
Foto Ilustrativa

Foto Ilustrativa

O TJ-SP (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo) sentenciou ontem (06) Vladmir Montanari Júnior, de 34 anos, a prestar serviços comunitários pelo acidente de carro que vitimou Lina Ferroni, de 82 anos, em 2013.

O acidente aconteceu enquanto a idosa atravessava a Avenida Dom José Gaspar, em Mauá, e foi atropelada por Vladmir. Segundo a perícia, o carro estava a cima do limite de velocidade. O motorista fugiu sem prestar socorro.

Familiares da vítima se revoltaram, não apenas com a pena branda, mas também porque Vladmir foi pego dirigindo alcoolizado cinco meses após o acidente. Vladmir Montanari Júnior possui seis boletins de ocorrência por lesão corporal, acidente de trânsito e uma condenação por porte de drogas, que também resultou em trabalho comunitário.

Outros Destaques

Colunistas

Literatura, memória nacional e ensino de língua portuguesa

Colunistas

Entrevista exclusiva com o Prof. Dr. Saulo César Paulino e Silva

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Siga-nos
Destaques
Paço de Ribeirão é alvo de assalto a caixa eletrônico
Novembro Azul é capa da Revista Mauá e Região
Porcelana Schmidt abre nova loja em Mauá
Revista
Jornal