Acidentes
Publicado às 9h59 — 15 de outubro de 2015
Explosão na Petroquímica fere seis funcionários

Foram necessárias 12 viaturas do Corpo De Bombeiros para apagar o incêndio

Por Leonardo Ratti | Portal Mauá e Região
Foto: Denis Maciel / DGABC

Foto: Denis Maciel / DGABC

Por volta das 16h30 de ontem (14) uma tubulação da Petroquímica se rompeu, causando uma explosão e sequencialmente um incêndio. Seis funcionários terceirizados que realizavam manutenção preventiva nas caldeiras se feriram levemente.

Cinco deles receberam atendimento na própria Brasken e foram liberados. Apenas um precisou ser levado para o hospital. 12 viaturas do Corpo de Bombeiros e equipes da GCM (Guarda Civil Municipal) e PM (Polícia Militar) foram necessárias para controlar o fogo, o que aconteceu por volta das 18h.

Por causa do incêndio, ruas no entorno da unidade foram interditadas. Moradores da região se assustaram com o barulho alto da explosão e com a fumaça. A Brasken informou que o acidente não oferece risco à população ou impacto ao meio ambiente.

Outros Destaques

Colunistas

Otávio Zaia e o livro “Nóis sabe português”

Colunistas

AVC em crianças

Colunistas

A Sociologia dos Trópicos

Siga-nos
Destaques
Jornada Pedagógica de Ribeirão reúne 1.200 professores
Mauá discute melhorias na Saúde
Em congresso, PSB Mauá reelege Israel Aleixo
Revista
Jornal