Mauá e Região
Publicado às 8h49 — 31 de janeiro de 2017
Região tem 190 postos de trabalho em aberto
Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região

Apesar do cenário de crise na economia, quem se encontra fora do mercado do trabalho e está à procura de oportunidade pode buscar por uma das 190 vagas em aberto existentes no Grande ABC. Dessas, 147 são disponibilizadas por meio do Portal Mais Emprego, do governo federal, e 43 pelos centros públicos de emprego e renda da região, parceria das prefeituras com o governo estadual. O Diário vai divulgar o total de chances todas as segundas-feiras. Na semana passada, havia 261 empregos.

No caso dos postos de trabalho intermediados pelos centros, é possível se candidatar pessoalmente. Nesta semana, a cidade que reúne mais chances é Ribeirão Pires, com 19 vagas. São Bernardo tem 12 (as 82 da semana anterior foram preenchidas), São Caetano, oito e, Rio Grande da Serra, quatro. Até o fechamento desta edição, Mauá não havia respondido. Por problemas de repasse de verba, o CPETR (Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda) de Diadema não funciona desde abril de 2016.

Quem também anunciou a suspensão de captação de vagas foi Santo André. A Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego informou que, a partir de agora, o CPETR do município, situado no prédio do Prefeitura, presta apenas atendimento ao trabalhador para confeccionar carteira de trabalho e dar entrada no seguro-desemprego.

Para buscar oportunidades, é preciso se dirigir ao Poupatempo da cidade, situado no Atrium Shopping, munido de carteira de trabalho, PIS, RG, CPF e comprovante de residência – mesmos documentos necessários ao comparecer nos centros públicos. O número de vagas oferecidas, porém, não foi divulgado.

Na maioria das vezes, as empresas contratantes exigem que os candidatos tenham Ensino Médio completo, experiência de pelo menos seis meses na função em que deseja trabalhar e qualificação em áreas específicas, por exemplo, no caso de eletricista. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Pires, Marcelo Menato, apesar da crise, 2017 será um ano de recuperação no volume de empregos disponíveis. “Nosso objetivo é estreitar o relacionamento com todas as empresas, ofertar ambiente e profissionais gabaritados para atender às necessidades dos contratantes e, com isso, aumentar as vagas na cidade”.

Na avaliação do economista do Dieese César Andaku, o setor que deve oferecer maior número de postos neste ano deve ser o de serviços.

ALTERNATIVA – Outra opção para quem deseja procurar trabalho é por meio do Portal Mais Emprego, que concentra 147 chances na região. Pelo sistema, a cidade que mais tem vagas é São Caetano, com 76 disponíveis, sendo 60 apenas para alimentador de linha de produção.

Para acessar as vagas basta entrar no site maisemprego.mte.gov.br, clicar em ‘cadastro do trabalhador’ e preencher a ficha de inscrição, que questiona área que se deseja atuar e a escolaridade. Minutos após o preenchimento é enviado por e-mail com login de acesso. Os postos aos quais o pleiteante terá acesso, portanto, levarão em conta seu perfil.

Por Gabriel Russini – Especial para o Diário

Outros Destaques

Colunistas

A Sociologia dos Trópicos

Colunistas

Areia Branca, de Luiz Maritan

Colunistas

Curso: O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa na prática

Siga-nos
Destaques
Início às obras do Centro de Iniciação ao Esporte
Mauá vacina 90 mil contra a gripe
Mauá recebe inscrições para cursos de qualificação
Revista
Jornal