Ribeirão Pires
Publicado às 9h30 — 19 de janeiro de 2016
Leo Moura dá versão sobre demissão de Secretaria

Segundo a vice-prefeita, Saulo cometeu irregularidades no Paço

Por Leonardo Ratti | Portal Mauá e Região

Leonice Moura

A vice-prefeita de Ribeirão Pires, Leonice Moura (PMB), mais conhecida como Leo da Apraespi, convocou uma coletiva de imprensa ontem (18) para dar sua versão sobre sua demissão do cargo de Secretária de Educação, Inclusão, Cultura E Tecnologia.

Leo afirmou que sua demissão aconteceu por conta de um rompimento político motivado por falhas do prefeito Saulo Benevides (PMDB) na administração do Paço, e disse que sua pré-candidatura à Prefeitura do município não teve grande influência.

“Meu problema maior sempre foi a briga interna que a gente teve porque eu acho que o dinheiro público é do povo e tenho de cuidar bem dele. Não fui demitida por causa da minha pré-candidatura, mas porque encontrei possíveis irregularidades no governo” disse Leo.

Entre as irregularidades, a vice-prefeita afirmou que não houve licitação para as merendas das escolas neste ano e também citou uma dívida da Prefeitura com o Rotary Club de R$ 1,13 milhão referentes a gastos do Festival do Chocolate.

Outros Destaques

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Colunistas

Prosa de peão, de Jerônimo de Almeida Neto

Colunistas

Otávio Zaia e o livro “Nóis sabe português”

Siga-nos
Destaques
Vereadores autorizam abertura da CEI da Saúde
Prefeito Atila entrega novos leitos no Nardini
Rio Grande sofre com falta de infraestrutura
Revista
Jornal