Mauá
Publicado às 10h35 — 3 de maio de 2017
Mauá proíbe ônibus sem cobradores na cidade

Medida ocorreu depois que categoria fez protesto e entregou documento no Legislativo

Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região
cobradores

Câmara arova projeto que obriga cobrador em ônibus de Mauá. Foto: Arquivo ABCD MAIOR

A Câmara de Mauá aprovou nesta terça-feira (02/05) por unanimidade projeto do vereador Roberto Rivelino Ferraz, o Professor Betinho (PSDC) que proíbe ônibus de circularem na cidade sem cobradores.

A aprovação ocorreu depois que representantes da categoria protestaram no Legislativo. Em 21 de fevereiro, o Sintetra (Sindicato dos Rodoviários do ABC) se articulou para combater a função dupla dos motoristas de ônibus, que passaram a cobrar tarifas também. O acúmulo de atividade tem gerado demissões de cobradores. O sindicato entregou, inclusive, documento na Câmara que pedia mudança na legislação.

O mesmo ocorreu em outras Câmaras da Região, mas somente Mauá aprovou a alteração na lei até o momento. Em São Caetano, houve o arquivamento de projeto semelhante também nesta terça-feira.

O vereador Professor Betinho disse ser necessário fazer o debate sobre o tema que preocupa a categoria. “A minha iniciativa visa manter o emprego dos cobradores. Não queremos que essa categoria seja prejudicada” concluiu o parlamentar ao ressaltar que a lei ainda protege os motoristas de acumularem dupla função.

Para entrar em vigor, o projeto precisa de passar em segundo turno na Câmara e o prefeito Atila Jacomussi (PSB sancionar a lei.

Por Gislayne Jacinto – ABCD Maior

Outros Destaques

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Colunistas

Prosa de peão, de Jerônimo de Almeida Neto

Colunistas

Otávio Zaia e o livro “Nóis sabe português”

Siga-nos
Destaques
Vereadores autorizam abertura da CEI da Saúde
Prefeito Atila entrega novos leitos no Nardini
Rio Grande sofre com falta de infraestrutura
Revista
Jornal