Mauá
Publicado às 9h45 — 17 de janeiro de 2017
PTB, que apoiou Donisete, migra para o governo Átila

Bancada de oposição tem menos um parlamentar com a saída da sigla

Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região
ptb

Ricardinho disse que foi fiel até o fim da eleição e que agora a situação é outra. Foto: Rodrigo Pinto

O PTB de Mauá, que na eleição de outubro último esteve na coalizão de legendas que apoiou a candidatura de Donisete Braga (PT), já definiu que não vai integrar a bancada de oposição na Câmara. O único vereador eleito pela sigla, Ricardo Manoel de Almeida, o Ricardinho da Enfermagem, garante que a decisão já foi discutida internamente no partido e que não significa traição à chapa petista.

“Estamos conversando com o governo a título de governabilidade, porque agora não é hora de iniciar um movimento de oposição; portanto estamos dispostos a apoiar, se for interesse do governo”, declarou Ricardinho, que não aceita o rótulo de infiel. “Fui fiel com a minha palavra até o final do processo eleitoral, levei minha palavra até o último instante”, resumiu Ricardinho.

O ABCD MAIOR apurou que a oposição no Legislativo de Mauá já começou a se articular. O PT do vereador Marcelo Oliveira, o PPS de José Wilson Ferreira Silva, o Melão, além de Osvanir Carlos Stella, o Ivan (PTdoB), devem integrar o bloco oposicionista. No caso do PTdoB, a sigla está dividida, já que Adelto Damasceno Gomes, o Adelto Cachorrão, insiste no apoio a Átila.

Por George Garcia – ABCD Maior

Outros Destaques

Colunistas

Entrevista exclusiva com o Prof. Dr. Saulo César Paulino e Silva

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Colunistas

Prosa de peão, de Jerônimo de Almeida Neto

Siga-nos
Destaques
República Terapêutica infanto-juvenil faz mais um ano
Mauá terá clube de leitura Leia Mulheres em Outubro
Atila repassa recursos à APASMA
Revista
Jornal