Ribeirão Pires
Publicado às 9h08 — 7 de fevereiro de 2017
Polícia desmente fotos de criminosos foragidos

A Polícia Civil de Ribeirão Pires negou o ocorrido

Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região
2140_foragidos2

Nenhum Boletim de Ocorrência registrado relata ação do grupo

Desde o início da semana, moradores de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra vem recebendo, através de grupos no aplicativo de mensagens online WhatsApp, imagens contendo 17 fotos de homens desconhecidos, apontados nas mensagens como “fugitivos que estão agindo em Ribeirão e Rio Grande”. A mensagem acompanha o conselho: “Gente, não atendam pedintes no portão, já assaltaram várias casas em Ribeirão”.

A Folha entrou em contato com a Polícia Civil de Ribeirão Pires, que negou o caso.

“Não recebemos nenhuma informação oficial sobre o caso e nenhuma ocorrência foi registrada neste sentido”, informou o delegado Gustavo Rezende.

O suposto caso vem preocupando moradores, principalmente pelos altos índices de criminalidade na Estância, que em 2016 chegou a aumentar em até 10% para casos de furto e roubo em Ribeirão Pires.

Por Folha Ribeirão Pires

Outros Destaques

Colunistas

Otávio Zaia e o livro “Nóis sabe português”

Colunistas

AVC em crianças

Colunistas

A Sociologia dos Trópicos

Siga-nos
Destaques
Jornada Pedagógica de Ribeirão reúne 1.200 professores
Mauá discute melhorias na Saúde
Em congresso, PSB Mauá reelege Israel Aleixo
Revista
Jornal