Mauá
Publicado às 9h41 — 8 de março de 2017
Comitê contra aumento de passagens protesta em Mauá

Cerca de 100 pessoas se reuniram em frente ao Terminal de Mauá para brigar contra aumento de R$ 0,20

Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região
Ato contra aumento das passagens de onibus

Comitê reinvindica reunião com Secretaria de Mobilidade Urbana e com Prefeito de Mauá. Foto: Arquivo ABCD MAIOR

Na terça-feira (07/03), o Comitê Regional Unificado Contra os Aumentos de Passagens no ABC realizou um protesto que começou às 17h em frente ao Terminal Rodoviário, no Centro de Mauá. O objetivo, por meio do slogan “Revoga Já, Atila!”, é o recuo do preço da tarifa de R$ 4 que entrou em vigor no município no dia 2 de março.

O Prefeito Atila Jacomussi (PSB) revogou o aumento para R$ 4,20 da gestão anterior no início de 2017. Contudo, o aumento foi estipulado em 20 centavos em relação aos R$ 3,80 após dois meses de incertezas em quanto a tarifa seria elevada.

“Desde 4 de janeiro estamos procurando nos reunir com a secretaria de mobilidade urbana e com o prefeito, mas até o momento não fomos recebidos”, disse um dos representantes do Comitê Andre Sapanos.

No mesmo dia da manifestação, um documento foi protocolado no gabinete do prefeito com 21 apontamentos para aprimorar a transparência da gestão do transporte público em Mauá. Na semana que vem, o Comitê deve pressionar os vereadores para obter as mudanças.

 

O documento
Segue trechos do documento protocolado pelo Comitê com questionamentos e apontamentos do Comitê:

“• Será que existe alguma relação entre prefeitos, candidatos e empresários, que se transforma em favores depois de eleitos, explicando a omissão dos chefes do executivo em relação aos problemas supracitados? • Como explicar um reajuste sem sequer tornar público às planilhas de custos que norteiam tal reajuste? • Para que serve um plano de governo apresentado à Justiça Eleitoral, visto que após a vitória em determinado pleito os prefeitos não cumprem com o estabelecido nos planos apresentados?

Nós, membros do Comitê Regional Unificado Contra o Aumento das Passagens do ABCDMRR, apresentamos a seguinte pauta de reivindicações:

1 – Reunião com o prefeito para discutir. 2 – Revogação imediata do decreto Nº 8261/2017; 3 – Abertura imediata das planilhas de custos do sistema de transporte no município; 4 – Criação de uma comissão para analise das planilhas de custos, composta por poder público e membros da sociedade civil; 5 – Imediata revisão da lei de criação do Conselho Municipal de Transporte, revisando e instituindo o Conselho Popular Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana, com eleição direta de seus membros. 6 – Realização de audiência pública para debater a situação do transporte e mobilidade urbana na cidade; 7 – Fim da limitação temporal do Passe Estudantil; 8 – Fim da limitação quantitativa do Passe para os idosos; 9 – Fim da limitação quantitativa do Passe as pessoas com mobilidade reduzida ou pessoas com deficiência; 10 – Imediata colocação de placas com os itinerários dos ônibus no terminal municipal e cumprimento dos respectivos horários; 11 – Extensão do horário de integração entre os ônibus do próprio município, fora do terminal central; 12 – Imediata contratação de cobradores para todas as linhas, acabando com a dupla função motorista – cobrador; 13 – Circulação do ônibus expresso, nas linhas onde possui, durante todo o período de circulação do ônibus na cidade; 14 – Real Integração entre ônibus, trem e metrô; 15 – Garantia de manutenção e limpeza do terminal central e demais terminais existentes na cidade; 16 – Volta do café do trabalhador no terminal central; 17 – Passe Livre para todos e todas já; 18 – Fim do uso do espaço publico do terminal para obtenção de finanças, através das empresas de propaganda. 19 – Extensão dos horários dos itinerários para atender até o último usuário dos trens da CPTM. 20 – Tarifa a R$ 1 aos domingos e feriados, conforme apresentado durante campanha eleitoral. 21 – Criação de linhas especiais 24 horas na cidade.”

Por Caio Luiz – ABCD Maior

Outros Destaques

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Colunistas

Prosa de peão, de Jerônimo de Almeida Neto

Colunistas

Otávio Zaia e o livro “Nóis sabe português”

Siga-nos
Destaques
Vereadores autorizam abertura da CEI da Saúde
Prefeito Atila entrega novos leitos no Nardini
Rio Grande sofre com falta de infraestrutura
Revista
Jornal