Ribeirão Pires
Publicado às 9h55 — 27 de junho de 2017
Início às obras do Centro de Iniciação ao Esporte
Por Vinicius Pinheiro | Portal Mauá e Região
Obras

Foto: Mariana Rodrigues

A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Obras, realizou, nesta segunda-feira (26), evento que marcou o início das obras do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE). O valor do investimento, com recursos de um convênio com o Ministério do Esporte no âmbito da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), é de R$ 3.341.0244,60 (tendo como contrapartida municipal a terraplanagem do terreno).

“Investir em equipamentos de esporte e lazer é uma das formas que temos de promover a qualidade de vida da população, principalmente das crianças e dos jovens, e estimular conceitos de cidadania. O esporte nos ajuda a integrar esse grupo à sociedade”, disse o prefeito Adler Teixeira, o Kiko.

O CIE será instalado em terreno de 3.500 m² localizado na Estrada da Cooperativa, no Jardim Serrano. O espaço contará com ginásio poliesportivo (arquibancada para 177 lugares), área de apoio (administração, sala de professores/técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, copa, depósito, academia e sanitários públicos) e quadra externa descoberta. Todos os espaços atenderão aos requisitos de acessibilidade como rampas, plataforma elevatória, banheiros adaptados, portas mais largas e espaço para cadeiras nas arquibancadas.

O objetivo do CIE é ampliar a oferta de infraestrutura de equipamento público esportivo qualificado, incentivando a iniciação esportiva em territórios de alta vulnerabilidade social das grandes cidades brasileiras. O projeto integra, num só espaço físico, atividades e a prática de esportes voltados ao alto rendimento, estimulando a formação de atletas entre crianças e adolescentes.

O espaço permitirá o desenvolvimento de até 13 modalidades olímpicas (Atletismo, Basquetebol, Boxe, Handebol, Judô, Lutas, Tênis de mesa, Taekwondo, Vôlei, Esgrima, Ginástica Rítmica, Badminton e Levantamento de Peso), 6 modalidades paraolímpicas (Esgrima de cadeira de rodas, Judô, Halterofilismo, Tênis de Mesa, Voleibol sentado e Goalball) e uma modalidade não-olímpica (Futsal).

“Este equipamento é único no município. A previsão é que seja entregue à população em prazo de, aproximadamente, dois anos”, disse o secretário de Obras, Takaharu Yamauchi.

Outros Destaques

Colunistas

Entrevista exclusiva com o Prof. Dr. Saulo César Paulino e Silva

Colunistas

Cadê você?, de Tainá Roberta

Colunistas

Prosa de peão, de Jerônimo de Almeida Neto

Siga-nos
Destaques
República Terapêutica infanto-juvenil faz mais um ano
Mauá oferece oficinas culinárias especiais em outubro
Santa Casa de Mauá adere à Campanha Outubro Rosa
Revista
Jornal